Você acha que está gastando muito com servidores virtuais por causa do auto scaling? Veja como gastar apenas o necessário

Postado em 12 jun 2018

Tags: 2Cloud, armadilha auto scaling, auto scaling

servidores-virtuais-auto-scaling-gastando-muito-2cloud

A necessidade de ampliar de forma rápida a infraestrutura de TI tem levado as organizações a adotar cada vez mais os servidores virtuais. A virtualização oferece uma série de vantagens, e uma das principais, certamente, é a economia de custos. Essa economia ocorre pela possibilidade de a empresa trocar o investimento adicional em pessoal, infraestrutura, manutenção e atualizações por um único serviço em nuvem. Isso tudo com a vantagem adicional de que não haverá prejuízos por quedas de sistema ou de servidores.

Mas muitas vezes o que era para ser algo com menor custo por dispensar todo um aparato físico pode acabar saindo mais caro que o previsto se o processo não for acompanhado da forma correta. Sua empresa está gastando mais do que deveria com esse tipo de serviço? Saiba que um dos motivos para isso pode ser o auto scaling.

A armadilha do auto scaling nos serviços de servidores virtuais

Uma das principais preocupações dos empresários quando falamos em computação em nuvem é, certamente, a previsibilidade de custos. Em um mercado de margens enxutas e custos crescentes, qualquer gasto não previsto pode causar prejuízo para o resultado das empresas. Por isso mesmo, o processo de virtualização de servidores em nuvem deve ter acompanhamento constante.

Uma armadilha muito comum é as empresas aderirem ao auto scaling, ou dimensionamento automático. Nesse modelo, como o próprio nome diz, o número de recursos de computação atribuídos ao aplicativo é aumentado ou reduzido de forma automática. Essa é uma dinâmica que pode garantir vantagens a setores como o e-commerce, que necessitam de muita agilidade, mas oferece uma série de riscos para empresas que não costumam otimizar os seus recursos com frequência.

O grande perigo de investir em um sistema que expande os recursos automaticamente é a perda de controle dos custos. Muitas das falhas que acontecem no auto scaling poderiam ser evitadas com a supervisão de uma equipe especializada. Fazendo a analogia com um automóvel, alguém que não entenda de mecânica pode mexer em algum equipamento e fazer com que o carro passe de um consumo de 4 litros por quilômetro para 10 litros por quilômetro, por exemplo.

O mesmo acontece com os servidores virtuais. Qualquer comando errado pode consumir mais recursos que o necessário e representar um gasto adicional e não previsto para a empresa. Isso não quer dizer que esse sistema seja ruim, apenas que ele é recomendado para casos específicos.

Como a nuvem premium reduz o custo com servidores virtuais

Uma maneira de adotar um processo mais eficiente e seguro é contratar um serviço de nuvem premium como o oferecido pela 2CLOUD. Hoje, o principal desafio das organizações é buscar modelos que entendam o ambiente da empresa e entreguem os recursos necessários, e é exatamente esse atendimento especializado que a 2CLOUD oferece.

Na nuvem premium, uma equipe especializada está sempre verificando o padrão do cliente e consegue agir rapidamente se algo sair da normalidade. Uma luz de alerta é acesa imediatamente. Nesse momento, um dos nossos especialistas identifica o erro e/ou problema e o cliente é alertado sobre a situação.

Muitas vezes, por falta de conhecimento, as equipes de TI de uma empresa “apertam todos os botões” para dar mais recursos sem questionar o real problema. É como ligar o ar-condicionado com as janelas abertas. O equipamento está cumprindo o seu objetivo, mas de forma totalmente desnecessária. Conseguimos evitar isso entendendo com profundidade as características dos nossos clientes, avaliando a necessidade que cada um tem de servidores virtuais e sugerindo melhorias e formas de otimizar os seus recursos.

Já tivemos clientes que aderiram aos nossos servidores virtuais e que economizaram em 50% a utilização dos servidores virtuais apenas otimizando a configuração de recursos. Esses clientes, após o trabalho dos nossos especialistas, conseguiram reduzir consideravelmente os seus custos. Isso graças a um verdadeiro tuning nos servidores virtuais, com melhora significativa na camada de banco de dados, o que gerou mais performance, menos recursos e um gasto bem abaixo do esperado.

 

Link da agência Brava Digital